Minha Sampa – Métodos de mobilização e organização

A Rede Minha Sampa reúne moradores da capital paulista que trabalham na construção de uma cidade melhor. Conta com uma equipe de mobilizadores e comunicadores que acompanham atentamente as decisões que estão sendo tomadas pelo Executivo e Legislativo municipais e estaduais. O lema é de que “não existe participação sem informação”; assim, sempre que encontram oportunidades para que as pessoas participem de uma decisão importante, criam mobilizações e convocam a rede para agir. A proposta é influenciar a criação e adequação de políticas públicas, de acordo com o que os paulistanos de fato querem e necessitam, e afirmar a importância da participação social.

Rede Nossa São Paulo

O Movimento Nossa São Paulo foi lançado em maio de 2007 a partir da percepção de que a atividade política no Brasil, as instituições públicas e a democracia estão com a credibilidade abalada perante a população. Constatou-se que era necessário promover iniciativas capazes de recuperar para a sociedade os valores do desenvolvimento sustentável, da ética e da democracia participativa. Em outubro de 2010, o movimento passou a se chamar Rede Nossa São Paulo, com o objetivo de fortalecer a articulação de um amplo campo social para objetivos comuns e, ao mesmo tempo, preservar a manutenção de diferenças para questões específicas, conjunturais, regionais etc, assegurando a ampla liberdade de expressão e manifestação a seus integrantes.

Rede Pintadas

A Rede Pintadas atua coletivamente em prol do desenvolvimento das comunidades de Pintadas e região, na Bahia. Desde sua criação, nos anos 1990, funcionou como um fórum de debate e um espaço de articulação entre várias entidades, sendo formalizada em 2003 como entidade jurídica. Em conjunto com organizações parceiras da região, nacionais e internacionais, vem desenvolvendo projetos de convivência com o semiárido, dos quais se destacam a construção de estruturas hídricas e demais ações de democratização do acesso à água.